07 agosto, 2013

0

Menina assustadora

Cadê? Cadê aquela menininha doce que existia antes? Bom ela nao existe mas , hoje existe uma menina frustrada com a vida  , mas ela é forte ela vai conseguir encarar essa vida ingrata que a atormenta tanto .

Ela tem medo de sofrer novamente , um trauma a  deixara assim.
Ela se sente tao mal . Porque isso tinha que acontecer logo com ela?
Ela era tao dedicada a tudo q fazia. 
No começo achei que ela merecia , pelo jeito dela de ser .
Pelo jeito rude em que ela falava com as pessoas mas depois vi que ela nao merecia.Havia muita coisa que eu ainda nao sabia sobre ela.
Ela conseguia ser ao mesmo tempo  meiga e assustadora.
Nunca tive coragem de olhar para dentro dos olhos dela para saber se ela realmente era tudo isso que parecia ser.
A vida era dela, mas ela conseguia incomodar a todos sem mesmo dizer um simples ''oi'' à alguém.
Ela se sentia sozinha e tinha medo de encarar e aceitar a vida do jeito que ela é.
Há muita coisa que não é preciso ser aceitado na vida, porém ela não sabia.
Eu sinto dó, pois é o único que posso fazer. Ajudar? Infelizmente eu não posso.
Tenho dó , pois a ingenuidade tomou realmente conta dela.
Ah! como seria melhor se eu pudesse conversar com ela ou ao menos tirar um pouco da ingenuidade dela!
Ela era tão jovem, mas já deveria saber sobre os fatos e os acontecimentos da vida!
Por ela ter sofrido cedo e ter em sua mente a cena que a traumatizou ela não quis conhecer o mundo a fora.
O que será que ela esconde tanto das pessoas? Porque será que ela é assim tão misteriosa ? O que a traumatizou tanto?
Sim essas são as minhas perguntas, meu dever é protegê-lá. Mas ela não acredita em mim. Ela não acredita que eu só quero
o bem dela.
É triste, realmente eu até tentei ajudar, mais nem perto ela deixa eu chegar, se ela acreditasse pelo menos eu a ajudaria
a esquecer desse trauma.
Sou o seu anjo da guarda deixa eu te ajudar? Acredita em mim. Essa será sua última chance para você me dar a sua mão e sermos
felizes juntos. Conheça o mundo que tem de trás dessa janela enferrujada. Estou lhe oferecendo ajuda. Mas nem assim você quer me escutar.
Vim através de sonhos, até nas suas orações eu já me comuniquei, mas você não teve fé, você nem mesmo tentou.
Te dei uma chance mas você não aceitou, me desculpe nada mais eu posso fazer tinha pouco tempo para ajudar você.
Lembre-se as oportunidades vem e vão, mais as oportunidades são todas diferentes elas nunca se repetiram, mas eu lhe digo se
você se arrepender a tempo e criar uma fé em Deus eu de novo lhe oferecerei ajuda, Deus me enviou para cuidar de você ,
mas enquanto você desacreditar em mim eu não poderei fazer nada por ti...
Estarei do seu lado!Nunca te abandonarei. Arrependa-se e conte-me o que lhe aflige tanto, conte-me o que aconteceu naquele
dia em que você se traumatizou.
Não se esqueça estarei te esperando, venha logo pois se demorar,pode ser tarde de mais.


Feito por : Virgínia Adler

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada!volte Sempre!